No Rio de Janeiro, casa centenária ganhou paisagismo tropical

Cercada de montanhas e mata por todos os lados, esta casa na ganhou um paisagismo projetado sob medida para o cenário ao redor

A casa antiga, no alto do bairro Humaitá, no Rio de Janeiro, surgia cercada por vistas estonteantes: Cristo Redentor, Pão de Açúcar e a Enseada de Botafogo. No entanto, estava em péssimo estado de conservação quando comprada pela família francesa, encantada por seu estilo e localização.

Aqui, a visão dos três tons de forração presentes no gramado: grama-preta (Ophiopogon japonicus, à esq.), dinheiro-em-penca (Pilea Nummuralifolia, à dir.) e grama-esmeralda (Zoysia japonica, ao fundo). Uma pitangueira (Eugenia uniflora) se destaca ao centro.

Aqui, a visão dos três tons de forração presentes no gramado: grama-preta (Ophiopogon japonicus, à esq.), dinheiro-em-penca (Pilea Nummuralifolia, à dir.) e grama-esmeralda (Zoysia japonica, ao fundo). Uma pitangueira (Eugenia uniflora) se destaca ao centro. (Andre Nazareth/Divulgação)

 

Apaixonados ainda pela densa vegetação – praticamente uma floresta nativa – que resistia às margens do terreno de 8 mil m², os proprietários procuraram os atuais integrantes do Escritório de Paisagismo Burle Marx para que delineassem, com canteiros, uma área externa mais convidativa, incluindo a reforma da piscina. Outros pedidos: muitas mudas frutíferas e uma horta orgânica de temperos e ervas aromáticas.

Placas brutas de granito pontuam o gramado, desenhando o caminho até a piscina, forrada de pedra vulcânica hijau verde de 10 x 10 cm, mesmo revestimento
das bordas. Boa para áreas de sombra, a grama-preta (Ophiopogon japonicus), em
primeiro plano, conduz ao canteiro com mudas de babosa-de-pau (Philodendron martianum) e forração de dinheiro-em-penca (Pilea Nummuralifolia).

Placas brutas de granito pontuam o gramado, desenhando o caminho até a piscina, forrada de pedra vulcânica hijau verde de 10 x 10 cm, mesmo revestimento<br / (Andre Nazareth/Andre Nazareth)

Veja também

“Esta é uma residência de verão da família, radicada na Europa. Eles queriam privilegiar um clima relaxante, com piscina em raia de 25 m para praticar natação e um gramado aberto, com espaço para receber amigos e festas”, conta Isabela Ono, diretora do escritório autor da obra.

Na sombreada lateral da casa, o frondoso flamboyant (Delonix regia) se destaca emoldurado pela cobertura de grama-preta (Ophiopogon japonicus) e, no canto, um pouco de lírio-da-paz (Spathiphyllum wallisii).

Na sombreada lateral da casa, o frondoso flamboyant (Delonix regia) se destaca emoldurado pela cobertura de grama-preta (Ophiopogon japonicus) e, no canto, um pouco de lírio-da-paz (Spathiphyllum wallisii). (Andre Nazareth/Andre Nazareth)

 

Um percurso a pé, indicado com placas de granito cortando o gramado, encaminha o passeio pelo lote, marcado com trechos de contemplação e descanso junto ao verde. “Pontuamos os mirantes naturais e os sinalizamos com uma vegetação mais sinuosa, fazendo uma espécie de convite à pausa”, explica Isabela, cuja opção primou por espécies tropicais resistentes ao sol pleno incidente no local.

Logo na entrada, o canteiro sinuoso delimita uma área para refeições ao ar livre, próxima da cozinha, com avedo-paraíso (Strelitzia reginae), cercada de grama-amendoim (Arachis repens) e palmeiras carpentária (Carpentaria acuminata).

Logo na entrada, o canteiro sinuoso delimita uma área para refeições ao ar livre, próxima da cozinha, com avedo-paraíso (Strelitzia reginae), cercada de grama-amendoim (Arachis repens) e palmeiras carpentária (Carpentaria acuminata). (Andre Nazareth/Andre Nazareth)

 

“Apesar da montanha muito próxima, estamos em uma área aberta e, por isso, elegemos plantas resistentes, capazes de ficar bem o ano inteiro.” Canteiros escalonados foram concebidos de forma a diminuir o impacto das contenções, como o desnível de 5 m entre o acesso principal e a casa.

Uma escada vence parte do desnível do terreno e leva aos fundos da casa, com piscina e anexo de lazer. De um lado, o canteiro de ave-do-paraíso (Strelitzia reginae), com a floração laranja e púrpura,
e, do outro, as palmeiras-de-pescoço-marrom (Dypsis lastelliana) trazem a verticalidade que induz o olhar para a vista do Morro do Corcovado.

Uma escada vence parte do desnível do terreno e leva aos fundos da casa, com piscina e anexo de lazer. De um lado, o canteiro de ave-do-paraíso (Strelitzia reginae), com a floração laranja e púrpura,<br / (Andre Nazareth/Andre Nazareth)

“Instalamos também bancos voltados para a vista do Pão de Açúcar”, arremata Isabela, para quem este paisagismo re-significa, de forma atual e contemporânea, o traço orgânico característico de Roberto Burle Marx (1909-1994). “As curvas são discretas e elegantes, mas estão ali, desenhando todo o terreno com uma leve geometria”, conclui.

Bicolor, a helicônia-papagaio (Heliconia psittacorum) cresce até atingir cerca de 1 m de altura em canteiros fartos.

Bicolor, a helicônia-papagaio (Heliconia psittacorum) cresce até atingir cerca de 1 m de altura em canteiros fartos. (Andre Nazareth/Andre Nazareth)

 

Entre as plantas do jardim, uma laranjeira, pedido dos proprietários.

Entre as plantas do jardim, uma laranjeira, pedido dos proprietários. (Andre Nazareth/Andre Nazareth)

 

Delicada, a orquídea-bambu (Arundina
graminifolia) ostenta uma flor elegante e resistente.

Delicada, a orquídea-bambu (Arundina<br / (Andre Nazareth/Andre Nazareth)

 

A alpínea ou gengibre-vermelho (Alpinia purpurata) traz pontos de cor à vegetação de meia-sombra.

A alpínea ou gengibre-vermelho (Alpinia purpurata) traz pontos de cor à vegetação de meia-sombra. (Andre Nazareth/Andre Nazareth)

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. E o escritório de arquitetura que fez o restauro da casa? Qual o nome dele? Ficou maravilhosa!

    Curtir

  2. I have noticed you don’t monetize abril.com.br, don’t waste your traffic, you can earn additional bucks every month with new monetization method.
    This is the best adsense alternative for any type of website (they
    approve all websites), for more details simply search
    in gooogle: murgrabia’s tools

    Curtir