Minicasas formam vila para mulheres sem-teto em Seattle

A iniciativa é do Instituto para Habitação de Baixa Renda (LIHI), que construiu as moradas com a ajuda de voluntários

Chamada de Whittier Heighs, a pequena vila formada por 15 casas vai servir de abrigo para mulheres em situação de rua. A proposta é do LIHI (Low Income Housing Institute, ou Instituto para Habitação de Baixa Renda, em português), que também gerencia outros projetos semelhantes pela cidade.

 (Divulgação/Divulgação)

 

 (Divulgação/Divulgação)

Veja também

A construção das moradas contou em grande parte com participação de mulheres voluntárias, como Melinda Nichols, carpinteira há mais de 45 anos que ensinou as pessoas a construir as casas. A professora aposentada Linda Uno também foi ajudar, contribuindo com a limpeza e arrumação das casinhas antes de elas serem entregues às novas moradoras. “Eu estava aqui quando o primeiro prego foi martelado, então estar aqui para decorar os quartos é realmente um presente”, disse ela. “Quando elas entrarem em suas novas casas, esperamos que elas se sintam realmente bem cuidadas porque a comunidade está realmente cuidando dessas mulheres”.

 (Divulgação/Divulgação)

 

 (Divulgação/Divulgação)

De acordo com o LIHI, o vilarejo poderá abrigar 20 mulheres. Nichols disse ainda que o LIHI vai observar de perto o projeto  para ver se ele será sucedido. Se isso acontecer, outras vilas somente para mulheres poderão ser criadas no futuro. “Isso lhes dá uma fechadura e uma porta. Isso lhes dá privacidade”, completa Nichols.

 (Divulgação/Divulgação)

 

 (Divulgação/Divulgação)

Estes abrigos, no entanto, não são permanentes. A intenção dos organizadores é oferecer segurança e estabilidade para que essas mulheres consigam se restabelecer.

 (Divulgação/Divulgação)

 

 (Divulgação/Divulgação)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s