Refúgio de 161 m² na Coreia do Sul fez de sua cobertura um mirante

Entre montanhas e campos de arroz, a casa se fundiu a paisagem e ganhou uma bela vista

Sem querer incomodar a paisagem do terreno de 658 m² situado no vilarejo de Jipyeong-myeon, o projeto do escritório sul-coreano BCHO Architects se aproveita de uma encosta íngreme para imiscuir-se na topografia, ficando parcialmente embutido no solo. “Com isso, minimizamos a escavação de terra”, explica Jiyoon Park, integrante do estúdio. Com estrutura de concreto, a casa utiliza o telhado inclinado como um terraço. Ali, recortes oferecem áreas de lazer e contemplação da vista – a do meio foi pensada como um pátio com jardim, deixando vazar luz natural e ventilação para o interior, embaixo, onde os ambientes surgem integrados, setorizados por pequenos desníveis na planta.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s