Varanda integrada ao estar abriu espaço para novos ambientes

Quem mora em apartamento sabe o valor dessa área. Inspire-se em três projetos que fizeram ótimo uso do espaço

Este canto é uma continuação da sala. Do outro lado da estante, há um recuo dedicado à leitura e, mais adiante, a área gourmet

Por aqui, espaço não falta. Mas boa parte da sensação de amplitude deriva da união da antiga varanda com o restante do living. Como ela contorna o imóvel formando um L, o arquiteto Flavio Castro, do escritório paulistano FCstudio, planejou um uso social para a parte mais estreita. “Acompanhamos o edifício desde a construção e ajustamos a planta da reforma aos poucos. Incorporar a varanda ao estar permitiu incluir um escritório no ambiente vizinho”, detalha Flavio. O restante da distribuição se dá pelo mobiliário, que cria uma arquitetura invisível: embora não haja paredes, percebe-se tudo muito bem dividido.

Quatro mudanças essências garantiam a funcionalidade e a beleza do projeto:

1. Sai a esquadria:  Retirada a divisão entre os ambientes, o living cresceu de 57 m² para 86 m². Junto ao guarda-corpo, foi instalado um fechamento de vidro com persianas embutidas no forro.

2. Espaços bem delineados: Apenas a vista é livre entre as bandeirolas da estante de madeira maciça Volpi, de autoria do FCstudio. Com ela, a passagem entre os dois lados da sacada acontece agora pela sala.

3. Saída discreta: O desafio comum às varandas é a eliminação de água pluvial. Aqui, isso acontece por meio de furos feitos sobre as placas de mármore junto do guarda-corpo. Embaixo delas, grelhas dão conta do escoamento.

4. Unidade visual: O desnível existente entre a varanda e a sala foi solucionado na instalação do piso. Dessa forma, o degrau que separava os ambientes sumiu. A inclinação que ajuda a escoar a água para as grelhas é quase imperceptível

A seguir, confira uma galeria com mais projetos onde a varanda ampliou o espaço do apê:

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s